Carlos Antonio já admite racha com Aldemir, chama Adjamilton de ‘Sangue Ruim’ e manda recado a aliados de deputado “Mudou tudo”


O secretário e ex-prefeito de Cajazeiras, Carlos Antonio (DEM), em entrevista à imprensa neste domingo (21), disse que esperava uma grande maioria de Ricardo Coutinho (PSB), na terra do Padre Rolim. “Esperava até 6 mil votos de maioria, mas Cajazeiras surpreendeu”
Se referindo ao radialista Adjamilton Pereira, o ex-gestor declarou que seu nome acabou desgastando a candidatura do senador Cássio Cunha Lima em Cajazeiras. “Política se faz sem fechar portas, mas tem certos elementos que afasta o eleitor”.
Carlos Antonio revelou estremecimento com o deputado José Aldemir (PEN) e revelou mágoa. “Realmente, Denise e eu estamos afastados do deputado. Depois da campanha não houve nenhuma ligação de lá pra cá, nem daqui pra lá. Zé Aldemir não aceitou nenhum dos nossos candidatos para campanha deste ano”
O secretário ainda mandou um recado para os aliados do deputado. “Há um novo alinhamento político na Paraíba. Não vamos repetir o que houve nessa campanha e quem está no nosso grupo tem que obrigatoriamente estar com o governador. Não vamos aceitar nada diferente”
Resposta
Perguntado sobre Adjamilton, o secretário disse que não responderia ao radialista, pois ele está querendo aparecer, mas disparou: “Ele é o conhecido acaba moía. Afasta as pessoas. Traidor”
Tô limpo
O ex-prefeito voltou a afirmar ser “Ficha Limpa” e deixou dúvidas sobre a continuidade no Governo de Ricardo Coutinho. “Mesmo se não continuar no Governo continuo aliado, pois agora sou amigo pessoal de Ricardo”
Diário do Sertão

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Homem é executado com vários tiros em Assunção

Jovem assunçãoense morre vítima de acidente de moto na PB-238 entre Assunção e Taperoá

Insegurança: Mulher é atingida por tiro no rosto em tentativa de homicídio em Assunção