Pular para o conteúdo principal

CONFIRA TODA HISTÓRIA: Mulher que teria achado e devolvido R$ 47 mil é presa na Paraíba


Foi presa neste sábado (14), por estelionato, a mulher que disse ter encontrado uma bolsa com R$ 47 mil reais dentro, em Sapé, na Paraíba. De acordo com a Polícia Civil, ela mentiu sobre o caso e foi conduzida para a 6ª Delegacia Distrital de Santa Rita, na Grande João Pessoa, onde foi ouvida pelo delegado Carlos Othon e lavrado o flagrante.


Nesta semana, a mulher contou que após encontrar a bolsa tentou encontrar a dona para devolver, em Sapé, na Paraíba. Conforme o relato dela, ela não sabia quanto dinheiro havia dentro da bolsa. A mulher, que se identificou como Daiane Silva, disse que era diarista e cobrava R$ 50 por uma faxina. Segundo ela, o caso aconteceu no último sábado (7), ela estava de folga e passeava com as filhas no Centro da cidade de Sapé, quando encontrou uma bolsa em uma praça. Ela olhou para os lados e não viu ninguém, então decidiu levar para casa e procurar a dona.

De acordo com o advogado Mozart Tiago, advogado de defesa, Daiane Silva confessou o crime. Como ela tem filhos menores, a defesa vai solicitar prisão domiciliar.

A história inventada

Após chegar em casa com a bolsa, Daiane disse ter visto que na bolsa tinha documentos, um celular e vários pacotes fechados. Ela pensou que poderia ser dinheiro ou droga, então decidiu não abrir. Na segunda-feira (9), começou a pensar como faria para encontrar à dona. Sintonizando no rádio, ela disse que ouviu o anúncio da perda de uma bolsa e entrou em contato com a pessoa para dizer que tinha encontrado.

Marcou de devolver a bolsa em frente ao Batalhão da Polícia Militar. Chegando no ponto marcado, Daiane disse que entregou a bolsa e pediu que a mulher conferisse tudo. Lá, ela teria sido informada do que eram os pacotes.

Investigação policial


Desde a veiculação da história, a Polícia Civil começou a acompanhar o caso, coletando informações baseado em alguns detalhes que estavam desencontrados na história. Na investigação policial, foi identificado que Daiane Silva já responde por estelionato em Bananeiras, onde forjou a cirurgia de uma das filhas para comover as pessoas e arrecadar dinheiro para a suposta cirurgia.

A partir daí, a Polícia Civil descobriu que o telefone da suposta dona era, na verdade, de Daiane Silva, e que ela fazia o "personagem" tanto da pessoa que tinha encontrado a bolsa, quanto de quem tinha perdido, com o mesmo objetivo de comover a população e ser beneficiada com o caso.

Neste sábado, ainda recebendo dinheiro da história que forjou, Daiane Silva foi presa em flagrante enquanto dava entrevista para um veículo de comunicação. De acordo com Carlos Othon, a mulher recebeu alguns depósitos bancários como ajuda de pessoas que se comoveram com a história, um curso técnico de enfermagem com todas as mensalidades pagas, e outros benefícios e vantagens indevidas em proveito da história inventada.

A Polícia Civil vai solicitar o bloqueio judicial dos valores da conta bancária da mulher, por se tratar de dinheiro proveniente do crime. Ela está presa em flagrante na 6ª Delegacia Distrital de Santa Rita e vai responder pelo crime de estelionato, que não cabe fiança.



Blog do Guedes

Com G1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VÍDEO: Jovem natural de Junco do Seridó e esposa morrem afogados em praia do Rio de Janeiro

Na tarde desta terça-feira(1), o jovem Damião Silva de Medeiros, 36 anos, natural do Distrito de Bom Jesus, município de Junco Do Seridó, juntamente com sua esposa a jovem Paola Silva, 25 anos, morreram de forma trágica. O casal caiu no mar após tentar salvar os cães que haviam caídos na água. Damião Medeiros, é filho de Dona Marluce e do senhor Janduí (Janda), moradores do Distrito de Bom Jesus, município de Junco, o jovem morava no Rio de Janeiro havia um bom tempo. Blog do Guedes Com G1

EXCLUSIVO: Jovem assunçãoense envolvido em acidente de moto não resiste e vem a óbito

O jovem Ginaldo Júnior Silva Alves, 19 anos, não resistiu aos ferimentos após sofrer um acidente de moto na madrugada desta segunda-feira(3), nas proximidades de Tito Churrascaria, em Assunção, afirmou a mãe do jovem. O mesmo ainda foi socorrido para o Hospital de Taperoá mas não resistiu, Júnior como era conhecido, deixa esposa e um filho de apenas 1 ano e três meses de idade. Segundo informações de populares o jovem perdeu o controle da motocicleta vindo a colidir contra uma árvore. Vídeo do local do acidente . Blog do Guedes

Assunção lamenta morte do jovem Alan de 'Têca de Joquinha'

Faleceu na manhã desta segunda-feira(28) o trabalhador assunçãoense, Alan Possidônio da Silva, 37 anos, após sofrer um choque elétrico, o fato ocorreu no sítio Bonfim, zona rural de Salgadinho. Alan de Têca como era conhecido, possui uma propriedade rural naquela localidade. A vítima era filho do Sr. Joquinha (In memoriam), um dos maiores comerciantes da região. Alan era casado e deixa, além da viúva, um casal de filhos. O sepultamento está previsto para às 16h desta terça-feira(01) no Cemitério Jardim da Saudade, em Assunção. O Blog do Guedes presta solidariedade a toda à família, e que ele descanse em paz. Blog do Guedes Imagens: PC