Mulher que obteve 2 votos pode assumir mandato de vereadora em pequena cidade paraibana; Confira



Um fato inusitado pode acontecer no Estado da Paraíba nos próximos meses, porque uma candidata, que obteve apenas 2 votos neste município nas eleições de 2012, tem chances reais de assumir uma cadeira na Câmara de Vereadores.

O caso é o seguinte: o vereador e ex-presidente da Câmara entre 2013 e 2014, Océlio Queiroz, vai deixar o DEM para se filiar ao PSB, cometendo, portanto, o ato de infidelidade partidária.

Desta forma, Lila de Célio, candidata que obteve apenas 2 votos, já avisou que vai entrar na Justiça para solicitar o mandato de Océlio, invocando a Lei de Infidelidade partidária.




 Ao deixar o DEM para ingressar no PSB, océlio pode perder o mandato por infidelidade partidária

Lila, esposa do ex-vereador e ex-presidente da Câmara, Célio Berto, virou candidata apenas para preencher a cota de candidaturas femininas que a legislação obriga o partido a apresentar e não fez campanha.

O outro suplente do DEM, Francinaldo, que obteve 93 votos na mesma eleição, também deve deixar o partido.

Mulher assume vereança no Piauí com apenas um voto

No dia 27 de fevereiro de 2012, o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí, julgou procedente a Petição 71807 para cassar o mandato da vereadora, Raimunda Costa dos Santos, do município de Coivaras, por infidelidade partidária. 

Assumiu em seu lugar, Constância Melo Carvalho (PMDB), a qual recebeu apenas 1 voto nas eleições de 2008, o seu próprio.

Em seu discurso de posse na Câmara de Vereadores de Coivaras, Constância disse que era "um chamado de Deus".





Com Heleno Lima



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Assunção e Taperoá enlutadas! Acidente automobilístico deixa duas vítimas fatais na BR-230 próximo a Juazeirinho; fotos

Homem é executado com vários tiros em Assunção

Jovem assunçãoense morre vítima de acidente de moto na PB-238 entre Assunção e Taperoá