Medalhistas olímpicos morrem em choque de helicópteros



Três atletas franceses, entre eles dois medalhistas olímpicos, estão entre os mortos após o choque de dois helicópteros na província de La Rioja, cerca de 1.170 km a noroeste de Buenos Aires, na Argentina, nesta segunda-feira (9). No total, 10 pessoas morreram.

O acidente aconteceu durante as filmagens do reality show francês "Dropped", em que dois grupos de atletas são deixados em um lugar ermo com o desafio de encontrarem a civilização.

Segundo o secretário de Segurança de La Rioja, Luis César Angulo, em entrevista à emissora de TV "Todo Noticias", de Buenos Aires, todos os dez ocupantes dos dois helicópteros morreram.

“Houve uma explosão e supomos que eles devam ter colidido. Os peritos em aeronáutica irão determinar as causas do acidente”, informou.

A AFP e os jornais franceses “Le Monde” e “20 minutes” confirmam a morte de três atletas da elite francesa: a nadadora francesa Camille Muffat, campeã olímpica nos 400m livre nos Jogos de Londres 2012, o lutador de boxe Alexis Vastine, bronze em Pequim 2008, e a navegadora Florence Arthaud, conhecida como como "a noiva do Atlântico". A agência Reuters não confirma a morte de Arthaud.




O presidente francês François Hollande expressou "choque e emoção" diante do episódio. "A morte súbita dos nossos compatriotas é uma imensa tristeza", disse em um comunicado.

Além dos três atletas, outras cinco personalidades do mundo dos esportes integram o elenco do reality show "Dropped", que vai ao ar no canal "TF1": o nadador Alain Bernard, o futebolista Sylvain Wiltord, a ciclista Jeannie Longo, a snowboarder Anne-Flore Marxer e o patinador Philippe Candeloro.Não há confirmação de que outro atleta estava em alguma das aeronaves.

Segundo o "20 minutes", os demais mortos no acidente foram os dois pilotos - que eram argentinos - e cinco integrantes franceses da equipe de produção.

Eles foram identificados pelas autoridades argentinas como "Laurent Sbasnik, Lucie Mei-Dalby, Volodia Guinard, Brice Guilbert e Edouard Gilles".

Em entrevistas em Villa Castelli para rádios locais, testemunhas relataram que os helicópteros se chocaram quando as condições climáticas eram ótimas para voar. JornaSylvain Wiltord foi o primeiro dos integrantes do reality a postar nas redes sociais. Ele lamentou a morte dos amigos de reality no microblog Twitter. “Estou muito triste pelos meus amigos, tremendo, horrorizado, não tenho palavras, não sei o que dizer”, publicou.

O "20 minutes" conseguir falar com a atleta Anne-Flore Marxer e com o agente de Alain Bernard e confirma que eles estão vivos.

Segundo o agente de Bernard tratava-se da primeira filmagem do reality show.

De acordo com a publicação, o apresentador do reality, Louis Bodin, também não está entre as vítimas.

O "20 minutes" não conseguiu contato com a ciclista Jeannie Longo.


blog NP

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Homem é executado com vários tiros em Assunção

Jovem assunçãoense morre vítima de acidente de moto na PB-238 entre Assunção e Taperoá

Insegurança: Mulher é atingida por tiro no rosto em tentativa de homicídio em Assunção