Ludgério quer mulher na direção da Assembleia

O deputado estadual reeleito, Manoel Ludgério (PSD) fez uma proposta considerada inovadora na Assembleia Legislativa. Indagado sobre a eleição para Mesa Diretora da Casa de Epitácio Pessoa, o parlamentar defendeu um fato inédito, a liderança de uma mulher.

A votação para Mesa Diretora só acontece em fevereiro, mas logo após as eleições começaram as conversações e articulações sobre o tema, mas uma mulher presidindo foi colocado pela primeira vez em questão.

Ludgério disse que existem três opções, a deputada Camila Toscano (PSDB) e Estela Bezerra (PSB), em primeiro mandato e Daniela Ribeiro (PP), mais experiente. O motivo para essa tese ousada é a inovação de renovar após 150 anos a liderança masculina na Casa.

O deputado, que foi o mais votado nas eleições deste ano, sugere que para as bancadas da situação e oposição chegarem a um consenso, com chapa única, para escolher o futuro presidente da Mesa Diretora da ALPB o nome deveria ser o de uma mulher. Assim, após 150 comandado por homens, o poder Legislativo estadual seria presidido por uma deputada.

Atualmente o nome que sai na frente pela disputa da presidência da Casa é o do deputado estadual reeleito Adriano Galdino (PSB), que já divulgou lista com mais de 20 nomes lhe apoiando.

O atual presidente, o deputado estadual Ricardo Marcelo (PEN) ainda não disse se vai disputar a reeleição e considera inoportuna a antecipação das discussões sobre as eleições, antes mesmo da posse dos novos deputados que acontece no próximo dia 17 de dezembro e que vão começar seus trabalhos legislativos apenas em fevereiro.


vitrine do cariri

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Homem é executado com vários tiros em Assunção

Jovem assunçãoense morre vítima de acidente de moto na PB-238 entre Assunção e Taperoá

Insegurança: Mulher é atingida por tiro no rosto em tentativa de homicídio em Assunção