Pular para o conteúdo principal

TRAGÉDIA EM BOA VISTA: Casal deixa carta escrita pedindo para ser enterrado na mesma cova


O casal, Fernando e Zélia, morreram de comum acordo, na tarde desta sexta-feira (16), nos arredores da cidade de Boa Vista, Cariri paraibano.

O portal confirmou com duas fontes, sendo um familiar e um policial, que com o casal, foi encontrada uma carta, onde Fernando e Zélia, pedem para serem enterrados na mesma cova.

Eles decidiram morrer porque, segundo a missiva, estariam infectados pela Covid-19 e, para não sofrerem internados em hospitais, decidiram darem cabo das próprias vidas.

A mulher foi encontrada caída ao chão em um pequeno riacho e o marido com uma corda amarrada ao pescoço pendurado a uma árvore.

A versão inicial era de que ele teria cometido o feminicidio, tirando a vida da esposa e depois se suicidado.

Mas com a carta encontrada a coisa muda de figura.

As polícias, Civil e Militar, estão no local do crime a espera do Gemol (Gerência Executiva de Medicina Odontológica) para remoção do corpo ao Instituto de Polícia Científica (IPC), onde será periciado.

A tragédia chocou a população boavistense.

Fernando e Zélia, são da comunidade rural de Riacho dos Reis, município de Gurjão, mas ultimamente residiam em Boa Vista.

Eles deixam filhos já adultos.


Blog do Guedes

Com Heleno Lima

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VÍDEO: Jovem natural de Junco do Seridó e esposa morrem afogados em praia do Rio de Janeiro

Na tarde desta terça-feira(1), o jovem Damião Silva de Medeiros, 36 anos, natural do Distrito de Bom Jesus, município de Junco Do Seridó, juntamente com sua esposa a jovem Paola Silva, 25 anos, morreram de forma trágica. O casal caiu no mar após tentar salvar os cães que haviam caídos na água. Damião Medeiros, é filho de Dona Marluce e do senhor Janduí (Janda), moradores do Distrito de Bom Jesus, município de Junco, o jovem morava no Rio de Janeiro havia um bom tempo. Blog do Guedes Com G1

EXCLUSIVO: Jovem assunçãoense envolvido em acidente de moto não resiste e vem a óbito

O jovem Ginaldo Júnior Silva Alves, 19 anos, não resistiu aos ferimentos após sofrer um acidente de moto na madrugada desta segunda-feira(3), nas proximidades de Tito Churrascaria, em Assunção, afirmou a mãe do jovem. O mesmo ainda foi socorrido para o Hospital de Taperoá mas não resistiu, Júnior como era conhecido, deixa esposa e um filho de apenas 1 ano e três meses de idade. Segundo informações de populares o jovem perdeu o controle da motocicleta vindo a colidir contra uma árvore. Vídeo do local do acidente . Blog do Guedes

Assunção lamenta morte do jovem Alan de 'Têca de Joquinha'

Faleceu na manhã desta segunda-feira(28) o trabalhador assunçãoense, Alan Possidônio da Silva, 37 anos, após sofrer um choque elétrico, o fato ocorreu no sítio Bonfim, zona rural de Salgadinho. Alan de Têca como era conhecido, possui uma propriedade rural naquela localidade. A vítima era filho do Sr. Joquinha (In memoriam), um dos maiores comerciantes da região. Alan era casado e deixa, além da viúva, um casal de filhos. O sepultamento está previsto para às 16h desta terça-feira(01) no Cemitério Jardim da Saudade, em Assunção. O Blog do Guedes presta solidariedade a toda à família, e que ele descanse em paz. Blog do Guedes Imagens: PC