Pular para o conteúdo principal

Filhos de Areia de Baraúnas que estão distantes querem continuar votando na cidade, mas partido contesta


O advogado Maikon Minervino foi procurado para se posicionar sobre a ação movida pelo Partido Cidadania, diretório do Município de Areia de Baraúnas, que entrou com várias contestações alegando que 32 cidadãos que não residem no município estão na lista de eleitores aptos a votar.

O Cidadania alega indícios de fraude e protocolou pedidos junto ao Cartório da 65ª Zona Eleitoral, que tem sede em Patos, para que se apure possível irregularidade no cadastramento destes eleitores que agora estão longe da sua cidade natal, porém, constam como eleitores aptos a votar por terem seus títulos eleitorais em plena validade para exercer a democracia.
Em matéria que circulou no Blog do Jordan Bezerra, o presidente da comissão provisória do Partido Cidadania, Kaio Xavier de Lucena, disse que os eleitores se aproveitaram da situação da não necessidade de presença física e fizeram cadastramento eleitoral via dispositivos de internet que são usados nos cartórios eleitorais.
O advogado Maikon Minervino relatou que os eleitores são filhos de Areia de Baraúnas e atualmente estão fora do município por questões de trabalho, fato comum em milhares de cidades por todo o país. Os cidadãos, de acordo com Maikon, tem familiares, posses, residências e documentos que provam que pertencem ao Município de Areia de Baraúnas e não desejam perder o vínculo com sua cidade natal. “O partido quis constranger os eleitores. No fim do processo iremos provar que não existe irregularidade alguma no ato legitimo de cidadãos que querem, tão somente, manterem-se ligados à sua cidade”, relatou o advogado.
“Tranquilizo todos os eleitores que atualmente estão fora por motivos de trabalho. Ao final desse processo, se verá que não existe irregularidade alguma, pois foram feitos dentro da legalidade”, finalizou Maikon Minervino.

Patosonline.com


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VÍDEO: Jovem natural de Junco do Seridó e esposa morrem afogados em praia do Rio de Janeiro

Na tarde desta terça-feira(1), o jovem Damião Silva de Medeiros, 36 anos, natural do Distrito de Bom Jesus, município de Junco Do Seridó, juntamente com sua esposa a jovem Paola Silva, 25 anos, morreram de forma trágica. O casal caiu no mar após tentar salvar os cães que haviam caídos na água. Damião Medeiros, é filho de Dona Marluce e do senhor Janduí (Janda), moradores do Distrito de Bom Jesus, município de Junco, o jovem morava no Rio de Janeiro havia um bom tempo. Blog do Guedes Com G1

EXCLUSIVO: Jovem assunçãoense envolvido em acidente de moto não resiste e vem a óbito

O jovem Ginaldo Júnior Silva Alves, 19 anos, não resistiu aos ferimentos após sofrer um acidente de moto na madrugada desta segunda-feira(3), nas proximidades de Tito Churrascaria, em Assunção, afirmou a mãe do jovem. O mesmo ainda foi socorrido para o Hospital de Taperoá mas não resistiu, Júnior como era conhecido, deixa esposa e um filho de apenas 1 ano e três meses de idade. Segundo informações de populares o jovem perdeu o controle da motocicleta vindo a colidir contra uma árvore. Vídeo do local do acidente . Blog do Guedes

EXCLUSIVO: Corpo de homem é encontrado boiando no Açude do Distrito da Barra de Juazeirinho

O corpo do jovem Edivânio dos Santos, 32 anos, foi encontrado boiando nas águas do Açude da Barra, na manhã desta terça-feira (23). De acordo com informações de populares, Edivânio é pescador e morador do sítio Escurinha, zona rural de Juazeirinho. Van, como era popularmente conhecido teria saído ontem(22) por volta das 10h para pescar e não retornou mais para sua residência. Os familiares sentiram sua falta, foram ao açude saber o que havia ocorrido, chegando ao local encontraram sua moto e alguns pertences as margens do reservatório. Os Bombeiros foram acionados, iniciaram as buscas, mas devido a escuridão os profissionais suspenderem á ação e retornaram pela manhã desta terça-feira, quando o corpo finalmente foi encontrado. O jovem era casado e deixa um filho de nove anos. Blog do Guedes