HOMEM COBRA: Agricultor de Juazeirinho sobrevive a duas picadas de jaracacas

João de Otácilio é um agricultor que reside no sítio Maravilha, em Juazeirinho, distante 18 quilômetros do centro da cidade pelo oeste. Ele é um cabra forte, criado comendo cuscuz de milho e xerém com leite e batata, além de comer rapadura e beber água de barreiro, quando tem, pois com essa seca danada está difícil.
Pois bem, forte desse jeito, nem uma das serpentes mais venenosas e mortífera do mundo, a metida jaracaca, pode com João de Otacílio que foi picado duas vezes este ano pelo bicho peçonhento e escapou ileso sem sofrer sequer uma dorzinha de cabeça.
O primeiro encontro do agricultor com a jaracaca, ocorreu em agosto, quando ele estava consertando uma cerca e colocou a mão dentro de um buraco de estaca quando a cobra lhe picou no braço esquerdo.
De imediato, João de Otácilio correu em busca de um pé de peão e tomou o leite. Em seguida, bebeu água de mucunã, uma planta típica da caatinga e rejeitou a ida a um posto de saúde para se consultar com o médico.
Em novembro, novamente lá estava o agricultor na labuta consertando cerca quando outra jaracaca plantou uma de suas venenosas garras em um dos dedos de sua mão esquerda.
Desta vez, ele matou o animal e, em seguida, cortou o dedo com a sua afiada e inseparável peixeira para expulsar o sangue e evitar que o veneno da jaracaca se espalhasse pela sua corrente sanguínea.
Apesar dessa medida não ter valor nenhum para os médicos, João de Otácilio diz que serviu, pois ele não sentiu nada após a mordida e continua desenvolvendo seu trabalho no campo e contando a peripécia aos amigos.

Heleno Lima
com cariri ligado

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Homem é executado com vários tiros em Assunção

Jovem assunçãoense morre vítima de acidente de moto na PB-238 entre Assunção e Taperoá

Insegurança: Mulher é atingida por tiro no rosto em tentativa de homicídio em Assunção